Resenha: Óleo de Rícino para Umectação da Salon Line

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on pinterest

Retomando as atividades do blog!

E venho com dicas já bem conhecidas como o óleo de rícino da Salon Line que, já é parceiro por quem cuida dos cachos em casa. Mas nada mais digno que relembrar e apresentar para iniciantes, produtos indispensáveis para o dia a dia, não é mesmo? E foi pensando nisso, que resolvi trazer produtos já bem conhecidos ao blog nesta nova fase! Sem mais delongas, vamos à resenha!

O que diz a marca:

Precisa recuperar o cabelo da noite para o dia? Que tal investir em nosso óleo de umectação rícino puro 100% vegetal? Assim como os demais produtos da linha #todecacho, esse óleo de umectação é simplesmente de tirar o fôlego, acredite! Além de ser um óleo vegetal, ele também é 100% vegano e é liberado, ou seja, sem sulfato, silicone, parafina, petrolato, parabenos e óleo mineral.

Serve para você ondulada, cacheada, crespa, crespíssima e até mesmo para você que está em transição. O óleo de rícino é extraído da mamona e contém em sua composição ômega 9 e 6, vitamina E e sais minerais. Fortalece e auxilia no combate da queda por quebra, fazendo com que os fios nasçam mais fortes e diminuindo a perda de cabelo diária. Ele é o seu melhor amigo, pode confiar!

Sobre o Óleo de Rícino Salon Line

  • Textura: é bem densa como há de se esperar do óleo vegetal de rícino mesmo. Eu sempre deixo a dica de diluí-lo sempre que possível.
  • Aplicação: Super fácil e não consome muito produto. Rende várias aplicações.
  • Embalagem: Na versão de 100ml. Prática e pode levar na bolsa por aí.
  • Características: Sem coloração, com cheiro de óleo de rícino que some após aplicação.
  • Valor: 100ml (R$14) mas valores podem variar em cada região.
  • Onde Comprar: Farmácias, Perfumarias e no jabá do blog clicando aqui!

O que achei deste produto

Indicado para todas as curvaturas. No entanto, arrisco dizer que é um ótimo aliado para não só umectar os cabelos cacheados. Mas uma forma de deixar os fios mais fortes e espessos, sabe?! Principalmente, quando os fios se encontram fraco e quebradiços.

Óleo de rícino é bem denso como já mencionei aqui na postagem. Portanto, sempre dilua em algum outro óleo vegetal de sua preferência (óleo de coco, azeite de oliva etc).

Vem ver mais dicas aqui:

Conclusão

Já faço uso de óleos vegetais na rotina capilar desde os primórdios! E nada melhor que aliar o melhor da natureza à praticidade da indústria que nos trás opções já prontinhas de produtos como o que vimos hoje.

No entanto sempre deixo a dica: teste-o em vários momentos da rotina. Sendo assim, note a resposta dos fios. Pois assim, fica mais fácil entender se o produto é bom para seus fios e em qual momento é melhor usá-lo. Então se as respostas são interessantes para o que se procura na rotina capilar, óquei?! Por hoje é isso e espera que vem muita novidade nesta nova fase do blog. Beijo.

Contém link de afiliado. Então ao comprar os produtos mencionados nesta postagem, recebo uma pequena comissão para manter as atividades do blog. Entretanto, sinta-se à vontade em pesquisar os produtos por conta própria!

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on pinterest

Jenifer, 34 anos paulista e chacheada desde 2010. Testadora de produtos para cachos. O blog surgiu para compartilhar destas experiências.

Veja também:

Indicados do Blog:

Aqui também:

Follow

Apoie:

BMC logoBuy me a coffee

COMENTAR É

6 comentários em “Resenha: Óleo de Rícino para Umectação da Salon Line”

  1. Salon Line é uma marca que eu uso frequentemente, mas ainda não conhecia esse produto.
    Eu não consigo fazer umectação por que odeio a sensação de oleosidade em qualquer parte do meu corpo, mas fiquei tentada em comprar esse óleo de rícino da SL para potencializar minhas máscaras de nutrição.
    Amei seu blog e vou ficar de olho nas novidades e próximos posts.
    Beijo, Blog Apenas Leite e Pimenta ♥

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *